Para o impossível, ninguém é necessário

Vamos esclarecer imediatamente uma coisa: teria sido preferível, desejável, que o projeto de lei 21 sobre o secularismo do Estado não fosse adotado sob a mordaça. Como muitos outros quebequenses, …